fbpx

Guedes embarca aos EUA em meio a denúncias de offshores

O ministro da Economia, Paulo Guedes, embarca para os Estados Unidos nesta segunda-feira (11). Em Washington, ele participará da reunião anual do Fundo Monetário Internacional e do Banco Mundial, que reúne ministros da Economia de 190 países, e de reuniões com ministros da Fazenda e presidentes de Bancos Centrais do G-20, o grupo das 20 maiores economias do mundo. 

Guedes deve ficar nos Estados Unidos até quinta-feira (14). A viagem, que estava pré-agendada, acontece em meio às denúncias reveladas por uma associação de repórteres investigativos a partir dos “Pandora Papers”, mostrando que Paulo Guedes mantém contas em paraísos fiscais, nas Ilhas Virgens Britânicas. Guedes possui investimentos de 9,5 milhões de dólares (aproximadamente R$ 35 milhões na época do aporte).

A informação gerou protestos na porta do Ministério da Economia, em Brasília, pedidos de impeachment e uma convocação para ele se explicar no Congresso. 

O ministro nega irregularidades e diz que os recursos são declarados e que as movimentações foram feitas antes de se tornar ministro, em acordo com a legislação brasileira. No sábado (9), o ministro do STF Dias Toffoli arquivou dois pedidos de investigação contra Guedes no caso das “offshores”. 

Com a desvalorização do real na sua gestão, Guedes lucrou R$ 14 mil por dia, já que seus investimentos subiram de aproximadamente R$ 35 milhões para R$ 51 milhões. 

Fonte: Correio do Povo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: