fbpx

PF prende controladora de voo boliviana envolvida no desastre aéreo da Chapecoense

A Polícia Federal (PF) prendeu a controladora Celia Castedo Monasterio, responsável pela análise e aprovação do plano de voo do avião que caiu com a equipe de futebol da Chapecoense em 2016, matando 71 pessoas.

A aeronave caiu quando se aproximava do Aeroporto Internacional de José Maria Cordova, em Rio Negro, na Colômbia.

A informação foi confirmada pela CNN Brasil, nesta manhã de sexta-feira (24), que apurou também que a prisão se deu por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes.

Celia Castedo, que é boliviana, era especialista em segurança de voo e, na ocasião, teria deixado de forma fraudulenta de observar procedimentos mínimos para aprovação do plano de voo da aeronave.

Fonte: CNN Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: