fbpx

Professor de GO está entre finalistas do “Nobel da Educação”

Apenas um professor brasileiro está na lista dos 50 melhores do mundo, os finalistas do Global Teacher Prize 2021, considerado o prêmio Nobel da Educação.

O goiano Greiton Toledo de Azevedo foi indicado, principalmente, pelo projeto que desenvolve atividades para tratamento do Parkinson.

Greiton é professor de matemática do Instituto Federal Goiano (IF Goiano) em Ipameri, no sudeste do estado.

“Fico muito honrado de poder representar a escola pública, porque sou fruto e professor dela. A gente precisa impactar a vida das pessoas por meio da ciência brasileira, por meio do ensino da matemática. […] É possível trazer impacto social pelo conhecimento escolar na educação pública”, disse o brasileiro.

Ex-aluno de escola pública

Greiton contou que toda a formação dele foi em escolas da rede pública.

Cientista, doutorando e professor de matemática, ele disse que desde os 13 anos sonha em lecionar e transformar a realidade por meio da educação.

E o jovem professor faz isso muito bem há 11 anos. Para os alunos, ele busca oferecer mais do que aulas.

E foi com esse propósito de transformação, que Greiton criou o Mattics, que é um projeto em que os estudantes criam jogos e atividades, de maneira sustentável e que ajudam no tratamento de pessoas com Parkinson.

“Eles criam soluções para problemas reais da sociedade por meio da matemática e da robótica. Isso os encoraja a ver e interpretar situações reais em que ela se aplica e começam a ver sentido e desenvolvem gosto pela matemática”, descreveu.

Global Teacher Prize 2021

O Global Teacher Prize é uma grande realização para Greiton. Para o professor, estar entre os 50 finalistas do prêmio, que selecionou mais de 8 mil profissionais de 121 países, já é uma grande vitória.

O Global Teacher Prize está na sua oitava edição e é considerado o “Nobel da Educação” por ser o de maior reconhecimento na área.

Ele premia o melhor professor entre os indicados avaliando qual deles teve uma atuação excepcional e que deixa uma contribuição única à profissão.

O vencedor ganha, além do título, US$ 1 milhão.

Fonte: Olhar Goias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: