fbpx
EsportesGeral

Reformulação no Inter ainda está distante

Daqui a menos de uma semana, no dia 11, o grupo de jogadores do Inter se reapresenta no CT Parque Gigante para, sob o comando de Alexander Cacique Medina, dar início à temporada 2022. Entretanto, a prometida reformulação do grupo ainda está longe de concluída. Em resumo, os dirigentes conseguiram confirmar a contratação do novo técnico e avançaram nas negociações de vários jogadores, mas não conseguiram concluir nenhuma delas ainda. A ideia é ter várias novidades nos próximos dias.

Quando o Campeonato Brasileiro foi finalizado, com o Inter protagonizando uma campanha que só não foi mais criticada devido ao rebaixamento do rival, o projeto era ter finalizado pelo menos parte do processo de reforma do grupo até a apresentação. Mas os dirigentes encontraram, em um primeiro momento, dificuldades para fechar a contratação de Medina, e, em seguida, um mercado complicado, com pouca movimentação.

Mesmo assim, vários negócios estão bem encaminhados, alguns apenas na pendência da formalização e do anúncio oficial. O principal deles é a contratação por empréstimo de uma temporada do centroavante Wesley Moraes, que pertence ao Aston Villa, da Inglaterra. Nikão, que ficou livre após cumprir o seu contrato com o Athletico Paranaense, também está próximo de ser anunciado. Aos 29 anos, o atacante deve assinar um acordo para ficar por quatro temporadas no Beira-Rio.

Além disso, o clube procura laterais, principalmente para o lado direito, um volante e pelo menos mais um extrema. Várias alternativas estão sendo avaliadas, com destaque para Marinho, atacante de 31 anos que deseja sair do Santos, mas dá preferência para jogar fora do Brasil. Depois de uma tentativa inicial que acabou fracassada, os dirigentes voltaram à carga e seguem em conversas com o clube de São Paulo. Outra alternativa é David, do Fortaleza.

Na Argentina, a imprensa informa que a tentativa dos colorados para ter o lateral-direito Nahuel Tenaglia, do Talleres, não deve frutificar. Indicação de Cacique Medina, o jogador estaria a caminho do Alavés, da Espanha. Desta forma, o clube voltaria a insistir para ter Fabricio Bustos, do Independiente, que também é uma negociação complicada devido a uma dívida que o Inter tem com o clube de Avellaneda desde a contratação do zagueiro Victor Cuesta.

Fonte: Correio do Povo


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/tapeja36/public_html/wp-includes/functions.php on line 5420