fbpx
EsportesGeral

Grêmio faz grande jogo na estreia de Roger e goleia o São Luiz

Grêmio viveu a estreia perfeita de Roger Machado, neste sábado, na Arena. O Tricolor mostrou combatividade, boas jogadas combinadas e amassou o São Luiz em Porto Alegre. O resultado foi a goleada por 4 a 0, inapelável, para retomar a confiança da torcida tricolor.

Com o triunfo, os gremistas chegam a 17 pontos, e reassumindo a liderança no Gauchão antes do Gre-Nal do próximo sábado. A equipe de Ijuí estaciona em 12 pontos e ainda vai ter que lutar nas últimas rodadas para avançar às finais.

Qualidade e controle gremista

Os primeiro minutos tiveram o Grêmio controlando a bola no campo ofensivo e insistindo bastante nas jogadas pela direita. Orejuela acabou gerando duas oportunidades em bola parada, mas lances de gol só vieram na virada para os dez minutos.

Aos 8, Bitello fez boa jogada na direita e cruzou rasteiro para Janderson. O atacante chegou batendo de primeira, à queima-roupa. Renan Rocha se atirou na bola para bloquear em grande defesa.

O Tricolor manteve a pressão e não teve jeito. Aos 10 minutos Diego Souza usou toda sua categoria de artilheiro para abrir o placar. Janderson roubou bola na intermediária e lançou o artilheiro. Ele viu a saída do goleiro e mandou uma cavadinha magistral. A bola entrou suave no ângulo direito para o 1 a 0.

Depois do gol, os comandados de Roger deram uma esfriada no jogo e o São Luiz até tentou mostrar reação. Aos 22, Márcio Goiano acionou Ariel, que tentou tentou invadir a área a dribles. O atacante disparou um chute forte, carimbando a zaga tricolor. O Grêmio respondeu em contra-ataque. Rildo recebeu na esquerda, cortou para o meio e chutou cruzado. A bola passou tirando tinta do poste direito

Orejuela assustou o goleiro, com ajuda da zaga do São Luiz, aos 29 minutos. O lateral cruzou com veneno para a pequena área. Um desvio quase enganou Renan Rocha, que teve de se esticar para mandar sobre o travessão.

O Tricolor apertou o cerco e, numa sequência de jogadas, ampliou o placar. Primeiro, Orejuela aparou de primeira uma sobra na direita, para grande defesa do arqueiro rival. O São Luiz tentou sair jogando e Rildo surgiu brilhante. O garoto fez tudo sozinho pela esquerda. Roubou a bola, disparou pelo flanco, driblou dois rivais e disparou o chute no canto direito. Novo golaço para o 2 a 0.

Antes do intervalo, o São Luiz ainda se esforçou para reduzir o prejuízo. Aos 39, Paulinho Santos roubou bola de Janderson. Ele correu para a intermediária e chutou de longe. Brenno caiu certeiro para defender. Antes do apito do intervalo, Márcio Goiano cruzou com perigo e Paulinho Santos tentou mandar para as redes de carrinho. Foi bloqueado por Bruno Alves e veio o apito encerrando o primeiro tempo.

Grêmio mantém pressão e cria a goleada

O Tricolor não deu trégua para o São Luiz na arrancada da etapa final. Logo no primeiro minuto Renan Rocha precisou trabalhar. Nicolas levantou na área, Diego Souza desviou de cabeça e o goleiro conseguiu catar firme.

Aos 12, Bitello perdeu grande chance. Rildo recebeu de Gabriel Silva, olhou para a área e cruzou. Diego Souza puxou a marcação e Bitello apareceu livre para cabecear e tocou para fora com o goleiro já batido.

O São Luiz provocou um breve susto em bola parada, aos 16, e foi castigado em seguida. Capa cobrou com efeito, Brenno já se adiantava para tirar um cruzamento e teve que improvisar. Espalmou de mão trocada para escanteio. Veio um contragolpe fulminante, no estilo Roger Machado.

Orejuela roubou, Gabriel Silva recebeu no meio e o time fez rápida transição. Tão rápida que Nicolas, lateral esquerdo, aparece na direita para conferir o lance. Ele surgiu de surpresa nas costas da zaga e mandou com a canhota na saída do goleiro. Aí foi só correr para o abraço do 3 a 0.

Roger fez suas primeiras mudanças, com Elias e Churin nos lugares de Rildo e Diego Souza. E o garoto iniciou a jogada que garantiu escore de goleada para a partida. Ele ganhou bola no meio e lançou Janderson na cara do gol. O atacante invadiu a área e foi derrubado por Willian Goiano. O jogador chegou a ser expulso pelo árbitro, mas após longa conversa com o quarto assistente, trocou a punição pelo amarelo. A espera não tirou a concentração de Janderson, que bateu firme no canto esquerdo e anotou o 4 a 0 aos 32 minutos.

Gol feito, missão cumprida, o jogador deu lugar a Vini Paulista. Lucas Silva substituiu Bitello. E num dia que tudo dava certo, quase que o volante também guardou seu golaço. Lucas Silva deu uma janelinha em Willian Goiano e chutou forte de fora da área. A bola passou raspando lá onde a coruja dorme.

Gauchão – 1ª fase

Grêmio 4
Brenno; Orejuela, Geromel, Bruno Alves e Nicolas; Villasanti (Victor Bobsin), Bitello (Lucas Silva), Gabriel Silva, Janderson (Vini Paulista), Rildo (Elias); Diego Souza (Diego Churín) Técnico: Roger Machado

São Luiz 0
Renan Rocha; Lucas Carvalho, Rodrigo Milanez, Willian Goiano e Márcio Goiano; Régis (Capa), Paulinho Santos, Jeferson Prill, Jean Dias (Taiberson), Ariel Marques (Jonatan Ribeiro), Juba (Paulinho Simionato) Técnico: Paulo Henrique Marques

Gols: Diego Souza (10min/1ºT), Rildo (35min/1ºT), Nicolas (17min/2ºT) e Janderson (32min/2ºT).

Cartões amarelos: Janderson (G); Juba, Willian Goiano (S).

Árbitro: Anderson da Silveira Farias Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi e Cassio Pires Dornelles

Local: Arena.

Fonte: Correio do Povo


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/tapeja36/public_html/wp-includes/functions.php on line 5420