fbpx

PF investiga grupo suspeito de contrabandear vinho da Argentina a partir da fronteira com o RS

A Polícia Federal (PF) cumpriu, na manhã desta sexta-feira (24), nove mandados de busca e apreensão contra um grupo suspeito de contrabandear vinho para dentro do Brasil a partir da fronteira do Rio Grande do Sul com a Argentina. As ações foram feitas em São Borja, na Fronteira Oeste, e Porto Alegre.

Foram alvo quatro residências, além de quatro galpões e um estabelecimento comercial em São Borja. Houve a apreensão de 23 caixas com 103 garrafas de vinho. A investigação aponta que pelo menos 5 mil garrafas eram comercializadas por mês e enviadas para todo o país.

De acordo com a PF, a investigação começou em outubro de 2020, quando a Brigada Militar (BM) interceptou um veículo carregado com caixas do produto contrabandeado em São Borja. As duas pessoas que estavam no carro conseguiram fugir, mas foram identificadas pela polícia.

Uma delas é apontada como sendo a responsável pela travessia dos produtos, que são descarregados em portos clandestinos em São Borja. Por meio da internet, o vinho era vendido para diversas regiões do país, principalmente Rio de Janeiro e São Paulo.

Agora, a PF trabalha para localizar os suspeitos e prendê-los.

Fonte: G1/RS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: