fbpx

Taison credita momento de invencibilidade a esforço coletivo no Inter

Após três vitórias consecutivas, o Inter definitivamente mudou seu panorama no Brasileirão. Somando oito jogos sem perder e em bom momento, agora o Colorado – sétimo colocado com 32 pontos – luta por uma das vagas na próxima Libertadores. Um dos líderes do grupo, Taison acredita que o esforço coletivo dos atletas nos treinamentos e nos jogos tem feito a diferença para manter não só a boa fase, mas também a invencibilidade. 

“A invencibilidade se deve a todo o grupo de jogadores e comissão técnica. A todo mundo que no dia a dia dá um pouco de si. Também ao nosso treinamento, ao ‘mister’ Aguirre e a todo mundo que trabalha com a gente diariamente. Da nossa defesa ao nosso ataque. Dos jogadores que às vezes não entram no jogo. O nosso treinamento é sempre muito bom. Então isso está acontecendo pois estamos trabalhando muito forte”, salientou. 

Para seguir nessa levada, a equipe de Diego Aguirre terá um desafio complicado: o líder Atlético-MG, no Mineirão, neste sábado. Conforme o meia Taison, o duelo será repleto de dificuldades, mas o time irá em busca da vitória.

“Vai ser um jogo difícil. Contra o Atlético-MG, em casa ou fora, é sempre difícil. Infelizmente saíram fora da Libertadores, então a gente acompanha bastante. O time do Atlético tem grandes jogadores como Hulk, Diego Costa e Nacho. Então temos que estar concentrados para fazer um grande jogo”, avaliou. “Temos que tentar buscar a vitória desde o início, pois nosso clube também tem que ser respeitado. O Inter é muito grande para não ser. A gente está buscando isso no Campeonato Brasileiro, com uma campanha muito boa no returno em que não perdemos ainda e esperamos continuar assim”, pontuou.

Sólido na defesa e preciso no ataque, o Inter vê as vitórias passarem pela eficiência de Yuri Alberto e a capacidade do goleiro Daniel. Segundo Taison, o mérito também é da equipe inteira: “É mérito de todo mundo, não só do Yuri (Alberto) que está lá na frente fazendo gols, ou do Daniel, que está fazendo grandes defesas. Um grupo se torna vencedor, não somente o individual”, ressaltou. “Um grupo vencedor começa do goleiro e vai aos outros que estão na reserva e no nosso dia a dia.” 

Fonte: CP

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: